Histórico:

- 05/06/2016 a 11/06/2016
- 17/11/2013 a 23/11/2013
- 13/10/2013 a 19/10/2013
- 04/08/2013 a 10/08/2013
- 28/07/2013 a 03/08/2013
- 29/07/2012 a 04/08/2012
- 22/07/2012 a 28/07/2012
- 03/06/2012 a 09/06/2012
- 27/05/2012 a 02/06/2012
- 22/04/2012 a 28/04/2012
- 25/10/2009 a 31/10/2009
- 18/10/2009 a 24/10/2009
- 19/07/2009 a 25/07/2009
- 07/06/2009 a 13/06/2009
- 10/05/2009 a 16/05/2009
- 03/05/2009 a 09/05/2009
- 26/04/2009 a 02/05/2009
- 24/08/2008 a 30/08/2008
- 22/06/2008 a 28/06/2008
- 08/06/2008 a 14/06/2008
- 01/06/2008 a 07/06/2008
- 25/05/2008 a 31/05/2008
- 18/05/2008 a 24/05/2008
- 11/05/2008 a 17/05/2008
- 04/05/2008 a 10/05/2008
- 27/04/2008 a 03/05/2008
- 13/04/2008 a 19/04/2008
- 30/03/2008 a 05/04/2008
- 23/03/2008 a 29/03/2008
- 16/03/2008 a 22/03/2008
- 02/03/2008 a 08/03/2008
- 24/02/2008 a 01/03/2008
- 17/02/2008 a 23/02/2008
- 10/02/2008 a 16/02/2008
- 03/02/2008 a 09/02/2008
- 27/01/2008 a 02/02/2008
- 20/01/2008 a 26/01/2008
- 13/01/2008 a 19/01/2008
- 06/01/2008 a 12/01/2008
- 30/12/2007 a 05/01/2008
- 23/12/2007 a 29/12/2007
- 16/12/2007 a 22/12/2007
- 09/12/2007 a 15/12/2007
- 02/12/2007 a 08/12/2007
- 25/11/2007 a 01/12/2007
- 18/11/2007 a 24/11/2007
- 11/11/2007 a 17/11/2007
- 04/11/2007 a 10/11/2007



Outros sites:

- UOL - O melhor conteúdo
- BOL - E-mail grátis


Votação:

- Dê uma nota para meu blog

Indique esse Blog


Contador:

Blog Sensual



Provo do mel de sua boca,

E parto em busca do teu cheiro.

Do gostoso perfume do teu corpo.

E permito-me sentir teu sabor.

 

Beijo na boca, na ponta da orelha.

Beijo no pescoço, e me perco...

Em teus arrepios.

 

Mãos e corpo deslizam.

Até minha boca tocar teus seios.

Com a mesma volupia, mordiscar.

E em meio aos teus gemidos deslizar.

 

Beijo na barriga, na virilha.

Tortura, que toma-me a calma.

Em meio a teus suspiros.

Satisfaço o desejo da mulher.

 

Minha boca toca teu sexo.

E me satisfaço no suco do amor.

Me delicio com teu sabor.

E boca e língua incasáveis.

 

Continuam seu bailar.

Incentivadas, por gemidos e arrepios.

Até que então tudo se aquiete.

Numa explosão de orgasmo.

(Autor: Fernando José da Silva)

 



- Postado por: Delírios de Poeta às 21h45
[ ] [ envie esta mensagem ]

___________________________________________________